4 de dezembro de 2019

O incrível museu do azulejo em Lisboa (MNAz)

Por leandrodall

Se algum dia, alguém me falasse que eu iria viajar para fora do Brasil e conheceria um museu dedicado ao azulejo, acho que ficaria sem ar de tanto dar risada (desculpa a sinceridade).

Sempre associei azulejo a revestimento de banheiro ou de cozinha. O mais próximo de museu que havia ido foi a um cemitério de azulejo para encontrar um específico para minha vó.

Então, quando ouvi falar que Portugal tem um Museu Nacional de Azulejo, resolvi abrir minha mente e não me arrependi.

Azulejo pode ser considerado matéria-prima para expressão artística.

Assim como conhecemos artistas hábeis em pintar telas, em fazer esculturas em metais e outros tipos de materiais, coisas belíssimas podem ser reproduzidas em azulejos.

É uma expressão artística de alta qualidade e tipicamente portuguesa.

Além do museu dedicado a essa arte, passeando nas ruas lisboetas, você pode se deparar com murais trabalhados em azulejos, prova da importância e influência dessa arte na capital portuguesa.

Anexo ao museu, encontra-se o Convento da Madre de Deus com belos altares e adornos sacros, todos revestidos em ouro.

Após seu passeio, não deixe de dar uma passada no café do museu. Além do ambiente agradável, tem boas opções de comes e bebes.

  • Endereço: Rua da Madre de Deus, nº 4, 1900-312 Lisboa;
  • Horário de funcionamento: terça a domingo das 10:00 às 18:00 (segunda-feira não abre);
  • Preço da entrada: 5 euros;
  • Acesse aqui o site oficial.