12 de março de 2020

Museu Rodin: pensa em um lugar legal

Por leandrodall

Ele observa atentamente o trabalho que realizou. Alguns diriam que se trata de uma alma atormentada (damned soul), ante a perfeição com que retratou sofrimentos eternos no famoso Inferno Dantesco. Outros diriam que se trata de alguém, um homem de mente livre e irrequieta (free-thinking man), determinado a transcender o sofrimento por meio da poesia.

O pensador

A famoso escultura de Rodin – e uma das mais conhecidas ao redor do mundo – foi quase chamada de O Poeta. Até diriam que o olhar reflexivo decorre da observação dos círculos do inferno idealizados por Dante Alighieri, na sua obra-prima A Divina Comédia.

A obra de Dante materializada pelo trabalho de Rodin. Consegue achar onde tá o pensador?

Só por essas duas grandes e famosos esculturas, já valeria a pena uma visita ao Museu Rodin – um dos passeios incluídos no PARIS MUSEUM PASS. Mas, não é só.

Criado em 1917, por iniciativa do próprio artista, o museu, abrigado em um palacete estiloso (rococó), oferece ao visitante um belo acervo da vasta produção artística de Rodin. São fotos, pinturas, esculturas e objetos antigos que oferecem um panorama completo da obra de Auguste Rodin.

Destaque para a área externa do museu, um majestoso jardim de 3 hectares onde você encontra diversas esculturas, entre as quais, O Pensador e A Porta do Inferno.

É um excelente passeio para um período (manhã ou tarde), curtindo arte, natureza e uma boa companhia. É um museu que dá para fazer sem pressa, degustando cada cantinho, cada obra e cada momento.

  • Endereço: 77 rue de Varenne, 75007 Paris, France;
  • Horário de Funcionamento: todos os dias (exceto segunda-feira) das 10h às 18h30m (não abre nos dias 1° de maio, 1° de janeiro e 25 de dezembro; nos dias 24 e 31 de dezembro fecha às 16h)
  • Maiores informações: http://www.musee-rodin.fr/