21 de agosto de 2020

As cidades mais hipsters do mundo

Por leandrodall

Listas e rankings é aquele tipo de coisa que só existe para dar discussão. E já é um grande propósito isso.

Cada um lança sua opinião, discussão aqui e ali, para, no final, sair uma nova listagem e recomeçar todo o processo. Sim, você não precisa concordar. O ponto é instigar, inspirar, investigar…

Antes de mais nada, hipster nada tem a ver com hippie.

Os hippies fizeram parte de um movimento contra-cultura dos anos 1960, ou seja, presos a uma determinada época e tempo. Já os hipsters é um pouquinho mais abrangente.

Tem a ver com os que adotam as últimas tendências, mas não se prendem apenas a elas. Tem a ver com os que experimentam as novidades, mas não são presos apenas ao novo. Tem a ver com estilo, mas fogem do mainstream, da indústria globalizada e enlatada de consumo. Entende?

É aquele e aquela que adotam um estilo próprio, único, que estão preocupados demais em viverem em sua originalidade, porque os outros já estão ocupados sendo eles mesmos. Ser hipster é isso: ser você mesmo.

E quando falamos de cidades, o sentido é esse mesmo: lugares originais, com estilo próprio e com uma incrível capacidade de se adaptar e evoluir, sem perder sua identidade.

A brincadeira fica ainda mais curiosa quando se descobre que existe até um índice (!) do quanto que uma cidade é hipster. Quem criou foi o pessoal do MoveHub e esse indicador leva em conta 5 fatores:

  • Restaurantes Veganos (vegan eateries);
  • Cafeterias (coffee shops);
  • Estúdios de tatuagem (tattoo studios);
  • Vintage boutiques (não conheço a tradução); e,
  • Lojas de discos (record stores).

Depois de analisarem 446 cidades em 20 países, 2.8345 lojas de discos, 7.772 restaurantes veganos, 14.588 estúdios de tatuagem, 15.549 vintage boutiques e 93.203 cafeterias, chegou-se ao Top 10 das Cidades Mais Hipsters do mundo:

Fonte: https://www.movehub.com/blog/the-hipster-index/ (data da consulta: 21/8/2020)

Fala sério que tem cidades aí que você nunca ouviu nem falar. Tem outras que até surpreendem por estarem na lista, como é o caso de Orlando (USA).

Lisboa (Portugal) tem sido conhecida como a capital hispter europeia e alia, muito bem, o antigo e o moderno, o tradicional e o despojado. É um passeio para todos os gostos e tem a grande vantagem da familiaridade da língua e dos laços com povo português. Conheça mais em nossos roteiros gratuitos como descobrir qual melhor se encaixa para você (clique aqui e saiba mais).

Fort Lauderdale (USA) foi uma bela surpresa no ensolarado estado norte-americano da Flórida. Pensamos apenas em Miami e Orlando, mas há tesouros escondidos que valem a pena serem descobertos. Fort Lauderdale (ou ForLau para os locais) tem belas praias, um cenário gastronômico de respeito (conheça aqui um restaurante que nos apaixonamos) e vários cantinhos para serem descobertos. E tem um significado especial: foi nosso primeiro post (clique aqui e descubra).

Orlando (USA) é conhecida por ser a terra do Mickey, mas tem uma pegada cultural e ambiental bem interessante. Saindo de Lake Buena Vista e indo para Downtown, quem busca um lance mais hipster vai ter boas surpresas.

As demais cidades (exceto por Miami) que completam o Top 10 são destinos a serem descobertas.

Destaco, por fim, outros destinos com pegada bem moderna e dignos de serem (re)descobertos: Las Vegas (USA – posição 19), São Franciso (posição 15), Amsterdam (Holanda – posição 43), Paris (França – posição 49) e Nova Iorque (USA – posição 145).

Penso até que essas cidades, especialmente Amsterdã e Nova Iorque, mereciam um lugar de maior destaque nesse ranking.

O que mais senti falta é de dois destinos brasileiros que nem no ranking estão e tem uma pegada bem bacana: Florianópolis (SC) e São Paulo (SP). Quem nos acompanha há algum tempo, sabe dos roteiros bacanas, gratuitos e descolados dessas nossas duas queridinhas (confira dicas sobre o paraíso catarinense e sobre a capital paulistana).

Afinal de contas, lista não é para ser concordada. É pra ser discutida.

P.S.: Não deixe de conferir nossas sugestões gratuitas de roteiros para: